A pandemia da Covid-19 e a guerra na Ucrânia mexeram muito no mercado imobiliário. Essa situação, somada à economia brasileira frágil e fraca, não ajudou. Resultado? O preço dos imóveis novos disparou na comparação com